Configurando Proxy no apt-get

Se a conexão de internet da sua empresa vive caindo com as atualizações constantes das distribuições Ubuntu, lançadas de 6 em 6 meses, o apt-proxy é a solução ideal para montar um servidor capaz de baixar os arquivos e disponibilizá-los via rede local para vários clientes. Se um arquivo não estiver nesse cache local, o aplicativo apt-proxy baixa-o automaticamente. Ele mantém os arquivos por um tempo definido e depois apaga-os para liberar espaço.

O primeiro passo da instalação é baixar o apt-proxy. Execute o comando como root:

  1. apt-get install apt-proxy

O próximo passo é especificar algumas informações no arquivo de configuração. Abra o arquivo de configuração /etc/apt-proxy/apt-proxy-v2.conf com seu editor preferido. Os parâmetros mais importantes são:

1) IP e porta que serão utilizados na rede local

IP da rede local do servidor

address = 192.168.1.10

Porta

port = 9999

2) Diretório onde os arquivos serão armazenados

Diretório de cache

cache_dir = /var/cache/apt-proxy

3) Por quanto tempo ele manterá os arquivos baixados

Frequência de verificação

cleanup_freq = 1d

Tempo máximo de permanência dos arquivos
max_age = 120d
Número máximo de versões de um mesmo pacote armazenadas

max_versions = 3

4) Quais repositórios serão utilizados

Servidores de backend, em ordem de procedência

[ubuntu]

Ubuntu archive

backends = http://archive.ubuntu.com/ubuntu

                    http://br.archive.ubuntu.com/ubuntu

min_refresh_delay = 15m

[ubuntu-security]

Ubuntu security updates

backends = http://security.ubuntu.com/ubuntu min_refresh_delay = 1m

Nos clientes, adicione o repositório:

deb http://192.168.1.10:9999/ubuntu jaunty main restricted deb-src http://192.168.1.10:9999/ubuntu jaunty-security main

Agora é só fazer as atualizações normalmente, em todas as máquinas. Para acompanhar os arquivos do servidor, veja o diretório /var/cache/apt-proxy/ubuntu/pool/.